Paróquia São Francisco de Assis
 

PESQUISAR

Digite a palavra ou frase de seu interesse:
 

LITURGIA DIÁRIA

 

ACERVO

 

WEB TV

Web TV
 

DESTAQUES

 

FOTOS EM DESTAQUE

 
Cadeia de Milão receberá visita de um Papa pela primeira vez

 
Imagem
Na visita à cidade italiana de Milão, Papa quer se encontrar com detentos

Da Redação, com Rádio Vaticano

Com a visita do Papa Francisco a Milão no próximo dia 25 de março, será a primeira vez que um Papa entrará na prisão de São Vítor.

Como acontece nessas ocasiões, o Pontífice pediu que não seja uma visita formal, com muitos discursos, mas um “face a face” com o maior número possível de detentos – visita que se concluirá com um almoço na penitenciária.

“O Papa vem pelos detentos, mas também por quem trabalha com empenho e dedicação no Instituto penitenciário. Deixaremos que as pessoas encontrem Francisco sem o filtro da organização, para que possa ser um encontro de almas”, disse a diretora Gloria Manzelli.

O capelão do presídio, padre Marco Recalcati, explicou que na medida do possível, pediu para não selecionar os detentos, mas que mesmo atrás das grades, de longe, todos possam ouvir as palavras do Papa e vê-lo.

No pátio central, o Pontífice encontrará cerca de cem detentos. À mesa, almoçará com outros cem. Muitos estão preparando presentes, enquanto outros já escreveram cartas, que foram publicadas no site do jornal Corriere dela Sera. Nas mensagens de detentos de várias religiões e nacionalidades, há quem peça “o milagre” de receber o perdão para todos os pecados.

Além da prisão, no programa da visita consta o encontro com os ministros ordenados e a vida consagrada na Catedral de Milão, a missa no parque de Monza, crismandos e suas famílias e residentes de uma periferia da cidade.
Comentários: Seja o(a) primeiro(a) a deixar um comentário!
Imprimir
Comentar

CADASTRAR-SE

Cadastre seu e-mail para receber nossas atualizações:
 

INFORMATIVO

 

NOTÍCIAS

 

WEB RÁDIO

Web Rádio
 

DESTAQUES

 

VÍDEO EM DESTAQUE

It was much more of an odd piece than a practically rolex replica sale useful one, and hence it had not received instant recognition or success. It has to be noted though that replica watches uk at the time of its creation in the middle of the 1950's intercontinental business trips were much less common than rolex replica sale they are today, which rendered this watch less desirable than its similarly expensive counterparts which were equipped with other useful complications as judged by contemporary standards. In any event the original Patek Philippe World Timer is a complicated piece unto itself. The ingenious world time disc-system was invented by Louis Cottier in 1931 was later replica watches implemented by Patek, Vacheron Constantin, Rolex, and others. As times have changed, not only did this complication rolex replica uk become one of the most popular useful functions, but the reference 2523 has also become much more appreciated among collectors, as seen by the seven figure prices these replica watches uk world timers consistently achieve at auctions.