Paróquia São Francisco de Assis
 

PESQUISAR

Digite a palavra ou frase de seu interesse:
 

LITURGIA DIÁRIA

 

ACERVO

 

WEB TV

Web TV
 

DESTAQUES

 

FOTOS EM DESTAQUE

 
Multidão participa de sepultamento de Dom Paulo Evaristo Arns

 
Imagem
Em meio a homenagens e emoção, Dom Paulo Evaristo Arns foi sepultado na cripta da Catedral da Sé, em São Paulo

André Cunha
Da redação

Milhares de pessoas lotaram à Catedral Metropolitana de Nossa Senhora da Assunção e São Paulo, na Praça da Sé, na tarde desta sexta-feira, 16, durante a última Missa do funeral de Dom Paulo Evaristo Arns.

O Arcebispo de São Paulo, Cardeal Odilo Pedro Scherer presidiu à celebração. Logo ao início, saudou e agradeceu às autoridades civis e religiosas presentes, e aos representantes de outras religiões cristãs e não-cristãs.

Presidência da CNBB

O início da cerimônia também foi ocasião para homenagens a Dom Paulo. O presidente da CNBB, Cardeal Sérgio da Rocha disse que o legado de Dom Arns é um dom, mas ao mesmo tempo tarefa; graça e responsabilidade, pois estimula os fiéis a seguirem seu exemplo.

“Nos sentimos chamados a sermos uma Igreja viva, servidora, profética e misericordiosa. Ele nos ensinou a assumir a missão profética com esperança e com coragem; a promover a justiça e a paz através de gestos concretos com os pobres, os pequenos e os sofredores”, disse Dom Sérgio.

“Em nome da CNBB, em nome da Igreja no Brasil, quero dizer: louvado sejas meu Senhor, por Dom Paulo, que se fez servidor, irmão, amigo dos pobres e pequenos. Louvado sejas meu Senhor, por Dom Paulo que se fez dom para nós, assumindo de modo tão generoso a figura do Bom Pastor e do Bom Samaritano”, acrescentou.

Dom Leonardo Steiner, primo de Dom Paulo

Em nome dos familiares e amigos, o Secretário-geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner, agradeceu a Deus, por ter na família “uma pessoa tão extraordinária”. “Como é bom estarmos aqui e testemunharmos que o menino Paulo cresceu em sabedoria e graça”, disse o bispo. “Nossa família é muito agradecida pela vida de Dom Paulo”, concluiu.

Homilia

Dom Odilo recordou aos fiéis a fé na vida eterna, afirmando que Deus quer reunir todos, um dia, em Sua presença. Disse que prêmio do céu é a certeza de viver felizes com o Senhor. “Essa é a grande meta do Evangelho da esperança, anunciado e vivido por Dom Paulo”.

O Arcebispo de São Paulo destacou a fé de Dom Paulo nas escrituras, que orientaram a vida desse bispo que comandou a Arquidiocese de São Paulo por 28 anos.

“Sua dedicação à Igreja foi imensa”, afirmou Dom Odilo, destacando o compromisso de Dom Arns em aplicar as diretrizes do Vaticano II e ampliar a assistência aos pobres nas periferias. “O povo humilde, pobre e sofrido mereceu a melhor das atenções deste pastor”, completou.

“Dom Paulo morreu para este mundo; agora, viva para Deus!”, concluiu o Cardeal Scherer.

Mensagem do Papa Francisco

Ao final da celebração, o bispo auxiliar de São Paulo, Dom Julio Endi Akamine, leu a mensagem do Papa Francisco, manifestando seu pesar pela morte de Dom Paulo.

“Dou graças ao Senhor por ter dado à Igreja tão generoso pastor e elevo fervorosas preces para que Deus acolha na sua felicidade eterna este seu servo bom e fiel enquanto envio a essa comunidade arquidiocesana que chora a perda do seu amado pastor e à Igreja do Brasil, que nele teve um seguro ponto de referência e a quantos partilham esta hora de tristeza que anuncia a ressurreição, uma confortadora bênção apostólica”.

Sepultamento

O corpo de Dom Paulo Evaristo Arns foi sepultado na cripta da Catedral da Sé, abaixo do altar central. Lá, também estão os restos mortais de outros bispos de São Paulo, além de outras personalidades.

Missa de sétimo dia

A Missa de sétimo dia será na próxima quarta-feira, 21, às 17h, na Catedral da Sé. Dom Odilo pediu que em todas as igrejas da Arquidiocese seja celebrada Missas diárias em sufrágio de Dom Paulo, até o sétimo dia.
Comentários: Seja o(a) primeiro(a) a deixar um comentário!
Imprimir
Comentar

CADASTRAR-SE

Cadastre seu e-mail para receber nossas atualizações:
 

INFORMATIVO

 

NOTÍCIAS

 

WEB RÁDIO

Web Rádio
 

DESTAQUES

 

VÍDEO EM DESTAQUE

It was much more of an odd piece than a practically rolex replica sale useful one, and hence it had not received instant recognition or success. It has to be noted though that replica watches uk at the time of its creation in the middle of the 1950's intercontinental business trips were much less common than rolex replica sale they are today, which rendered this watch less desirable than its similarly expensive counterparts which were equipped with other useful complications as judged by contemporary standards. In any event the original Patek Philippe World Timer is a complicated piece unto itself. The ingenious world time disc-system was invented by Louis Cottier in 1931 was later replica watches implemented by Patek, Vacheron Constantin, Rolex, and others. As times have changed, not only did this complication rolex replica uk become one of the most popular useful functions, but the reference 2523 has also become much more appreciated among collectors, as seen by the seven figure prices these replica watches uk world timers consistently achieve at auctions.