Paróquia São Francisco de Assis
 

PESQUISAR

Digite a palavra ou frase de seu interesse:
 

LITURGIA DIÁRIA

 

ACERVO

 

WEB TV

Web TV
 

DESTAQUES

 

FOTOS EM DESTAQUE

 
A importância da viagem do Papa a Cuba e EUA

 
Imagem
Há um importante fio condutor que liga a viagem do Papa a Cuba e EUA, a realização do que São João Paulo II disse: “o mundo deve-se abrir a Cuba e Cuba, ao mundo”

Da redação, com Rádio Vaticano

De 19 a 27 de setembro o Papa Francisco visitará novamente à América. Dessa vez ele irá para Cuba e EUA. Há um importante fio condutor que liga sua Viagem Apostólica: “Está-se realizando, de modo surpreendente, o que São João Paulo II disse: o mundo deve-se abrir a Cuba e Cuba, ao mundo”.

Foi o que destacou o Secretário da Pontifícia Comissão para a América Latina (CAL), Gusman Carriquiry, em um entrevista. Ele acrescenta: “Hoje, somos muito agradecidos pelas palavras proféticas do Papa Wojtyła, que oferece boas perspectivas para a próxima Viagem Apostólica de Francisco, que percorrerá o mesmo trajeto dos seus Predecessores, em uma situação histórica, favorável e interpeladora”.

Ele acrescenta dizendo que todos aguardam esta viagem com a particular intenção, “porque o restabelecimento das relações bilaterais entre Cuba e EUA implica a possibilidade de relançar, em novas condições, ações de solidariedade respeitosa e positiva entre os EUA e o conjunto dos países latino-americanos”.

No entanto, antes de toda e qualquer relação política e diplomática, observa Gusmán Carriquiry, o Papa Francisco realizará sua viagem em uma ótica pastoral, sob o signo da solidariedade com o povo cubano, valorizando tudo o que aquela Igreja fez e viveu durante decênios de dificuldades, confirmando-a e encorajando-a na fé em sua missão evangelizadora.
Comentários: Seja o(a) primeiro(a) a deixar um comentário!
Imprimir
Comentar

CADASTRAR-SE

Cadastre seu e-mail para receber nossas atualizações:
 

INFORMATIVO

 

NOTÍCIAS

 

WEB RÁDIO

Web Rádio
 

DESTAQUES

 

VÍDEO EM DESTAQUE

It was much more of an odd piece than a practically rolex replica sale useful one, and hence it had not received instant recognition or success. It has to be noted though that replica watches uk at the time of its creation in the middle of the 1950's intercontinental business trips were much less common than rolex replica sale they are today, which rendered this watch less desirable than its similarly expensive counterparts which were equipped with other useful complications as judged by contemporary standards. In any event the original Patek Philippe World Timer is a complicated piece unto itself. The ingenious world time disc-system was invented by Louis Cottier in 1931 was later replica watches implemented by Patek, Vacheron Constantin, Rolex, and others. As times have changed, not only did this complication rolex replica uk become one of the most popular useful functions, but the reference 2523 has also become much more appreciated among collectors, as seen by the seven figure prices these replica watches uk world timers consistently achieve at auctions.